Piramidal.net

Tudo o que você sempre quis saber sobre pirâmides.

  • Pirâmide de cobre C130

  • Pirâmide de alumínio A150

    Pirâmide de alumínio A150

  • Pirâmide de alumínio A150

    Pirâmide de alumínio A150

  • Pirâmide de cobre C150

    Pirâmide de cobre C150

  • Pirâmide de alumínio A130

    Pirâmide de alumínio A130

  • Incenso japones aroma orvalho

    Incenso japones aroma orvalho

  • Incenso japones aroma jasmim

    Incenso japones aroma jasmim

  • Pirâmide de latão fechada

    Pirâmide de latão fechada

  • Fórum sobre jejum, alimentação prânica (viver de luz) e temas relacionados

Encontrados no México prédios de 2.500 anos

Posted by luxcuritiba em abril 20, 2008

24/01/2007

Seis construções pré-hispânicas correspondem ao período entre 800 a 500 a.C. Edifícios encontrados têm características olmecas.

Os restos de edificações de uma antiga cidade pré-hispânica com características olmecas, que datam de entre os séculos VIII e V a.C., foram descobertos por arqueólogos do Instituto Nacional de Antropologia e História (Inah) do México, informou a instituição nesta quarta-feira (24).

Os especialistas “localizaram seis construções pré-hispânicas correspondentes ao período compreendido entre 800 a 500 a.C., do qual foi Zazacatla”, disse o Inah.

Os edifícios encontrados têm características olmecas, ainda que o lugar da descoberta, no estado de Morelos (centro), se situe fora da zona onde se desenvolveu esta civilização, a primeira da Mesoamérica, entre os séculos XIII e VII a.C.

As edificações descobertas compunham o centro cerimonial da cidade, de cerca de 9.500 metros quadrados, dos quais sobraram restos em apenas 3.000. Entre as construções encontradas, destaca-se uma base de pirâmide com dois nichos, nos quais havia duas esculturas.

Ambas as figuras mostram um personagem nu, sentado com as pernas cruzadas, as mãos sobre os joelhos e com os traços característicos do dragão olmeca, de idade pertencente a esse período.

Os arqueólogos responsáveis pela descoberta, Giselle Canto e Víctor Mauricio Castro, consideram que ela “aporta importantes dados para a história pré-hispânica da região, do estado e da Mesomérica olmeca”.

Também permite supor vínculos dessa região com a da Costa do Golfo, onde se desenvolveu o núcleo da cultura olmeca.

Fonte: http://g1.globo.com:80/Noticias/0,,MUL2277-5603,00.html

log_pir_47

.

 Gostou? Então Curta nossa página no Facebook.

eu_47 Seja amigo do autor do site no Facebook, e esteja sempre antenado em assuntos interesantes como este.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: