Piramidal.net

Tudo o que você sempre quis saber sobre pirâmides.

  • Pirâmide de cobre C130

  • Pirâmide de alumínio A150

    Pirâmide de alumínio A150

  • Pirâmide de alumínio A150

    Pirâmide de alumínio A150

  • Pirâmide de cobre C150

    Pirâmide de cobre C150

  • Pirâmide de alumínio A130

    Pirâmide de alumínio A130

  • Incenso japones aroma orvalho

    Incenso japones aroma orvalho

  • Incenso japones aroma jasmim

    Incenso japones aroma jasmim

  • Pirâmide de latão fechada

    Pirâmide de latão fechada

  • Fórum sobre jejum, alimentação prânica (viver de luz) e temas relacionados

Pirâmide no litotal paranaense?

Posted by luxcuritiba em setembro 16, 2009

piramidal.net | lojapiramidal.com

compartilhar

Em 2005, eu e um amigo fomos fazer um passeio a Salto dos Macacos, no litoral do Paraná. Nosso objetivo principal era localizar uma suposta pirâmide que existia ali. Veja abaixo a foto que tiramos. Esta foto foi tirada na beira da estrada, próximo à entrada que leva à trilha de Salto dos Macacos. Esse foi o melhor ângulo que conseguimos.

salto_dos_macacos_28

Teoricamente a pirâmide, já com alguns milhares de anos, estaria encoberta pela vegetação.

No Google Earth tentei localizar o local onde deveria estar a pirâmide, a partir do panorama da foto. Veja as imagens que consegui elaborar utilizando os recursos 3D do Google Earth.

pir_01

Observe que na base da suposta pirâmide corre um riacho, curiosamente contornando o quadrado da base. Veja a seguir uma vista mais aproximada.

pir_02

A seguir uma panorâmica, dando uma idéia de distância entre a entrada para a tilha, Salto dos macacos, e a pirâmide.

pir_03

A seguir uma vista da lateral direita. Note que atrás da pirâmide há outro morro, natural, que parece emendar no morro que se supõe ser a pirâmide. Porém, em outra vista mais adiante é possível perceber que a separação entre os dois montes é mais clara e definida. Observação: as manchas escuras, arroxeadas, são sinais de queimadas no meio da mata.

pir_04

Uma vista da leteral esquerda.

pir_05

Aqui (abaixo) uma vista do topo do monte, que aparece curiosamente em formato quadrado, quase perfeito. Seria isso apenas característica da renderização de imagens 3D do Google Earth, ou de fato o monte apresenta esse formato tão simetrico?

pir_06

Abaixo, uma vista panorâmica, direto do topo do monte, em direção à rodovia e à “Ponte Velha”.

pir_08

A seguir, uma vista do monte que fica atrás da pirâmide, visto do topo da suposta pirâmide.

pir_09

Outra vista do alto da pirâmide, em direção a Salto dos Macacos.

pir_10

Vista do alto da pirâmide, em direção à entrada da trilha.

pir_11

A pirâmide vista do morro vizinho, que fica atrás.

pir_12

Será que este morro é realmente uma pirâmide milenar soterrada embaixo de pesada vegetação? Se é, quem construiu esta obra? E para que fim?

Pelo que consgui verificar no controle de nível do Google Earth o topo da pirâmide fica a 1.256 pés acima do nível do mar. Isso equivale a 383m aproximadamente. O nível do terreno, na altura da curva do riacho, bem na quinha da pirâmide, está a aprox. 630 pés, ou 192m. Ou seja, a pirâmide, se realmente for uma pirâmide, deve ter uma altura aproximada de 191m.

Então, alguém se habilita a fazer uma expedição para tentar descobrir a verdade?

UpDATE En 17-08-2012:

Novas informações a respeito da pirâmide no litoral paranaense. Seguindo a dica de um visitante do blog, fui pesquisar no Google Earth algumas imagens a cerca da Usina Gov. Parigot de Souza, construída nas proximidades da suposta pirâmide. A central da Usina encontra-se a aproximadamente 24 km da pirâmide, juntamente com uma subestação e uma antena de rádio.

A usina é acompanhada por uma subestação e uma antena de rádio.

O Yeho, que fez o comentário citando a tal usina, estava desconfiado pela semelhança do projeto da usina GPS (Parigot de Souza) com o projeto Dharma, do seriado Lost. De fato, a disposição da usina é algo intrigante. Veja por exemplo a imagem abaixo que mostra a entrada do túnel que liga a subestação à usina:

Imagem da subestação:

Curiosamente a usina é subterrânea, conforme informações do próprio site da Copel, responsável pela construção e administração do complexo.

A Usina Hidrelétrica Governador Pedro Viriato Parigot de Souza possui a potência de 260 MW, e está situada no município de Antonina. Seu reservatório está localizado na Rodovia BR-116 (trecho Curitiba – São Paulo), no município de Campina Grande do Sul, a 50 km de Curitiba.

A Usina Parigot de Souza entrou em operação em outubro de 1970, tendo sido inaugurada oficialmente em 26 de Janeiro de 1971, quando entrou em operação comercial. Ela é a maior central subterrânea do sul do país.

A usina, inicialmente conhecida como Capivari-Cachoeira, recebeu seu nome em homenagem ao Governador Pedro Viriato Parigot de Souza, que liderou o Paraná entre 1971 e 1973, e foi, também, presidente da Copel.

Para a construção da Usina Gov. Parigot de Souza foram represadas as águas do rio Capivari, localizado no primeiro planalto, a 830 metros acima do nível do mar. Este represamento foi possível pela construção de uma barragem de terra de 58 m de altura e 370 m de comprimento. Da barragem, as águas são desviadas para o rio Cachoeira, no litoral, obtendo-se um desnível de aproximadamente 740 metros, sendo as águas conduzidas por um túnel subterrâneo de 15,4 km que atravessa a Serra do Mar.

Durante sua construção, com o aproveitamento dos rios Capivari e Cachoeira, o Paraná projetou-se no panorama da engenharia brasileira, conquistando dois recordes: maior avanço médio mensal em escavação subterrânea em obras do gênero e maior volume de concretagem mensal no interior de túneis.

No sopé da montanha, três grandes cavernas foram escavadas, compondo a Central Subterrânea: Sala de Válvulas, Sala de Máquinas e Sala dos Transformadores. Na Sala de Máquinas, quatro geradores de 62.500 kW de potência cada garantem ao Paraná uma produção anual de 900 milhões de kWh.

Estranho? Sinistro? Ou simples coincidência? Por que construir uma usina subterrânea no meio do nada? É verdade que a área é reserva de preservação ambiental, mas, o maior dano ambiental que se gera ao construir uma usina hidrelétrica é o reservatório de água, e este já está lá. Portanto, para que construir todo o resto das instalações em túneis subterrâneos? Recentemente assisti um vídeo falando sobre a construção de abrigos subterrâneos para os políticos de Brasília. Não digo que uma coisa tenha algo a ver com a outra, mas com certeza ficam perguntas no ar.

Mudando um pouco de assunto, montei um vídeo através do Google Earth para mostrar de forma mais clara os detalhes da suposta pirâmide de Salto do Macacos. Veja abaixo:

compartilhar

Piramidal no Facebook
.
●●● Gostou? Então curta nossa página no Facebook.
.
Autor
●●●
 Seja amigo do autor do site no Facebook e esteja sempre antenado em assuntos interessantes.

Anúncios

43 Respostas to “Pirâmide no litotal paranaense?”

  1. Leslie said

    Oi amigo, espero não ter chego muito tarde para me voluntariar nestes estudos e expedições. Sou apaixonada pela arqueologia e biologia. Muito antes de chegar a este magnífico blog, notei algumas coisas muito singulares nesta (e em outras) regiões da serra do mar paranaense.
    Postei o meu e-mail no campo específico. Por gentileza entre em contato.
    Fraternal Abraço.

    Resposta:
    Bom dia Leslie
    Vou colocar seu e-mail na minha agenda e quando tivermos algo planejado para explorar o litoral eu lhe aviso. Enquanto isso vamos mantendo contato.
    Abraço
    Z

  2. ADIVINHE said

    A verdade é que esta suposta pirâmide depois dos eventos geológicos que ocorrerão na Terra ficará milênios debaixo dagua, pois grande parte do litoral brasileiro deixará de existir.
    Mas eu até que tenho vontade de saber se a dita cuja é ou não uma pirâmide.
    Eu acho que a gente caiu no conto das estórias daquele pessoal metido a besta da academia adormecer.
    Mas ja que vai fica debaixo da agua mesmo, porque não escavar uma area pequena para ver se abaixo da vegetação teria rochas em forma de paralelepipedos.?
    Esta piramide está que nem o circulo dourado que o Patrick Geryl quer desenterrar lá no Egito, mas não encontra financiadores para ajuda-lo a descobrir um dos maiores tesouros arqueológicos da humanidade.

    SAbes quem está falando? Só tens uma chance! Eu vi seu blog num tópico la do orkut inutil.

    Abraço

    Resposta:
    Bom dia “Adivinhe”
    Talvez eu saiba quem você é. Porém, isto aqui não é um jogo de esconde-esconde, nem show de palco montado para impressionar as pessoas.
    Quanto à pirâmide no litoral, talvez alguém já tenha feito alguma escavação, na surdinha, encoberto pela mata, sem ninguém saber, mas tenha achado melhor não divulgar isso, porque afinal o local onde está a suposta pirâmide é área de preservação ambiental, e se alguém de fato fez isso, e as autoridades tomarem conhecimento, então esta pessoa vai ter problemas. Será que alguém fez isso? Adivinhe 🙂
    Abraço
    Z

    • Isaías Balthazar said

      Pesquisem sobre as pirâmides de Kosovo, Bósnia, isto pode confirmar a teoria de que existem pirâmides no Paraná e em demais locais do Brasil!!!

  3. Rafael Bontorin said

    Posso ir final de semana.
    Me manda um e-mail, ou pode me ligar
    (41) 9225-…

    Abraço

  4. orlei said

    qual o local dessa piramide? cidade, proximo a que (ponto de refernencia) to interessado a desbravar essa terra.

    Resposta:
    Oi Orlei
    A (suposta) pirâmide está próxima a Antonina, no litoral indo para Paranaguá.

    Abraço
    Z

  5. Isaías Balthazar said

    Olá!
    Muito ineteressante esta história da Pirâmide, e pessoalmente acredito que de alguma maneira ela possa ser comprovada. Recebtemente foi anunciada a descoberta de Pirâmides na Região de Kosovo na Bósnia, que até então não haviam sido descobertas pois para os moradores e qualquer outra pessoa, não passavam de formações montanhosas. Existe um relato na internet de várias pirâmides descobertas pelo mundo, isso tudo recentemente, no Brasil em 1996, foi descoberta uma na região de São Paulo, não sei precisar onde. O que acontece é que as informações são pouco divulgadas.

  6. Isaías Balthazar said

    Olá, tetei postar antes mas acho que não deu certo. Bom é oseguinte, não sei se já de conhecimento de todos, mas recentemente foram descobertas pirâmides em várias partes do mundo, dentre as que já foram divulgadas, etão as pirâmides da Bósnia, na região de Kosovo. Bem, o que acontece é o seguinte as pirâmides não haviam sido descobertas até então , porque todos achavam que eram apenas formações montanhosas, isso mesmo, morros cobertos de terra e vegetação escondiam pirâmides milenares. VALE APENA PESQUISAR ESSA MET´RIA!!!

    aBRAÇOS.

  7. Sou fissurado em arqueologia e gostaria muito de participar desta expedição. Ainda mais que está tão próxima de nós (moro em Santa Catarina). Se puder me avisar quando for programado, fico grato!! abçs!! Vilson

  8. willy said

    Olá entusiastas!

    Moro em Curitiba.

    O que acham de organizarmos uma expedição para 2012 com veículos 4×4, equipamentos para escavação, detectores de metal e afins?

    Lógico que antes tentando liberações das autoridades.

    Alguém sabe informar se existem trilhas para trilheiros de jeeps na região?

    Att.

    Willy

    Resposta:
    Oi Willy

    Vamos por partes. Primeiro, a área onde está a suposta pirâmide é uma área de preservação ambiental. Então, escavar o local fica muito improvável. Dificilmente algum órgão público liberaria isso.

    O lugar não tem trilhas para jeeps. Motos, talvez. A trilha não é adequada para motos, mas se você tiver realmente espírito aventureiro talvez até dê para encarar. Normalmente o pessoal faz a trilha que existe (ou existia) a pé mesmo. Até porque tem que atravessar um rio que não é pequeno e não há ponte.

    Então, para averiguar o caso seria preciso uma expedição modesta. Equipamentos como detectores de metais seriam bem vindos, mas creio, um tanto inúteis neste caso. Talvez seja possível fazer algumas pequenas escavações, coisa pequena, bem discreta, de preferência tapando tudo antes de ir embora, para deixar o local como estava antes. Se numa dessas escavações fosse possível encontrar algum cubo de pedra, que obviamente não poderia ser natural, mas produzido pelo engenho humano, acho que já seria uma grande descoberta. Esse seria um sinal inconfundível de que de fato o homem passou por ali.

    Talvez seja possível atacar o problema com alguma outra abordagem não invasiva, como a escaneamento a partir de satélites com infravermelho ou algo assim. Sei que os EUA têm satélicos equipados com sensores de última geração, que normalmente são usados para localizar petróleo e minerais no solo, ou bases militares subterrâneas. Se aquilo que está na foco é de fato uma pirâmide, isso seria fácil de revelar com um escaneamento infravermelho ou algo do gênero. Mas como é que se consegue acesso a um equipamento desses? Aliás, possivelmente isso até já foi feito, mas não foi divulgado. Em algumas de minhas visitas ao local percebi diversas vezes que os caminhos que davam acesso à pirâmide haviam sido escondidos com ganhos, para evitar que as pessoas os encontrassem. Parece haver um certo interesse em manter essas pirâmides ocultas para sempre.

    Abraço
    Zhannko

    • Isaías Balthazar said

      Prezado Zhannko, também acredito que uma empreitada deste molde seria um tanto quanto arriscada, porém não podemos continuar a levar nossas vidas sem que possamos ao menos ter uma resposta negativa às nossas expectativas. Achei interessante a sugestão de varredura da suposta pirâmide por meio de um satélite. Na região serrana de São Paulo aconteceu uma descoberta incrível, mas que infelizmente não foi levada a cabo.
      Talvez o responsável técnico pela descoberta naquela região possa nos auxiliar agora, pois foram empregados na época leituras via satélite, com o intuito de confirmar a existência de uma pirâmide naquela região.
      Seguem os dados do responsável:

      Reconhecimento de Campo na Feição Anômala do Bairro Palmeiras, Município de Natividade da Serra-SP.

      Geól. Paulo Roberto Martini, MSc.
      Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais-INPE
      Av. dos Astronautas 1758 SERE II-Sala 15
      12227-010 São José dos Campos SP.
      Fone 12.3945.6470. Fax ++3945.6488

      Resposta:
      Boa tarde Isaías

      Grato pela dica. Vou entrar em contato com o sr. Paulo e ver o que é possível fazer. Se ele, como geólogo profissional, se interessar em pesquisar o assunto, com certeza terá muito mais facilidade do que nós leigos em alcançar os recursos necessários. Por acaso você não teria também o e-mail dele?

      Abraço
      Zhannko

      • Willy said

        Olá pessoas!

        Zhannko você entrou em contato com o Geólogo?

        Se quiser que eu entre avise, informa seu telefone ou me mande uma mensagem em prescinotto@bol.com.br

        Abraço

        Willy

        Resposta:
        Oi Willy

        Estou aguardando resposta dele. Assim que tiver notícias eu aviso.

        Abraço
        Z

      • Gustavo said

        Ola pessoal
        Eu estava lendo todas as perguntas e respostas e achei muito interessante .
        E estava me perguntando , se realmente ah uma pirâmide na serra paranaense como ela veio parar aqui ? Como uma cultara separada por um oceano e continentes tiveram a mesma ideia ? Ela esta em uma area preservada , isso não é a toa ….Se o governo não se interessa por isso, algo eles escondem, Ou seja a verdade sobre o passado , ou outra possibilidade , devem ter medo do que pode vir a acontecer com a humanidade se realmente isso for verdade , imaginem a historia q realmente conhecemos a que aprendemos sera mudada completamente ……

        mas gosto de coisas q envolvem misterio
        estou a fim de participar dessa expedição , mesmo q seja por baixo dos panos e tenhamos q ficar em barracas …

        e tem mais na minha opnião a melhor parte para ser escavada seria o topo da provavel piramide e tem mais se o riacho q corre em volta da piramide for antigo podera ter achados interessantes para alimentar nossas esperanças, sugiro tbm realizar mergulhos nesse riacho q contorna a piramide e depois realizarmos a escalada.

        E receio em dizer que estaremos correndo perigo , que a havera um grande risco de vida , pois se o governo esta ocultando e demonstrando pouco interesse , ou eles ja sabem q ha algo la , ou até mesmo q não tenha nada . e se tiver realmente , eles tentaram nos calar pois acredito q isso causara algo em escala globall…

        fim….. desculpem meus erros de portugues , mas adoro lidar com assuntos ao estilo arquivo x, pois é o caso dessa piramide …..obrigado

  9. Willy said

    Não é só uma piramide que temos lá, não entendo bem sobre imagens em computadores mas tentarei postar a imagem de satélite do google maps da região.

    Reparem que existem grandes canais de irrigação e na imagem da cabeça de um extraterrestre, mas a imagem do extraterrestre de perfil com os braços é FENOMENAL, inclível.

    Alguém ai quer mesmo ir até lá?

  10. Willy said

    [IMG]http://i813.photobucket.com/albums/zz56/zwitterbrazil/extraterrestre1.jpg[/IMG]

    [IMG]http://i813.photobucket.com/albums/zz56/zwitterbrazil/extraterrestre.jpg[/IMG]

  11. Willy said

    Olá,

    Tem muito mais que uma pirâmide lá, vou tentar postar as fotos de satélite da região.

    [IMG]http://i813.photobucket.com/albums/zz56/zwitterbrazil/extraterrestre1.jpg[/IMG]

    [IMG]http://i813.photobucket.com/albums/zz56/zwitterbrazil/extraterrestre.jpg[/IMG]

    Se quiserem mesmo “desbravar” estou interessado.

    Abraço

    Willy

    Resposta:
    Oi Willy

    Muito interessante essas imagens. Quais as coordenadas? Eu gostaria de checar aqui com o meu GoogleEarth.

    Abraço
    Zhannko

    • Willy said

      Zhannko você pode me passar as coordenadas da “Pirâmide” para que eu posso olhar pello google também.

      Abraço

      Willy

      Resposta:
      Oi Willy

      Coordenadas: 25º24’30.86″ S 48º54’24.79″ O

      Abraço
      Z

    • willy said

      Eu postei as coordenadas mas não aparece minha resposta, Z me manda um e-mail q passo elas p você, inclusive do rosto humanoide q aparenta um capacete na cabeca (deve dar uns 500 metros dali para leste). Abraco W

      Resposta:
      Oi Willy

      Coordenadas: 25º24’30.86″ S 48º54’24.79″ O

      Abraço
      Z

  12. Willy said

    Zhannko boa tarde.

    Não soube postar as imagens de maneira que apareçam direto, tentei mas não entendo bem disso.

    Anota ai -25.453476 S, -48.917055 W

    Tem várias outras formações mais a oeste, várias. Se for “viajar” no olhar pode-se notar três “imagens” lado a lado todas com grandiosos olhos.

    Parece uma espécie de fosso (furnas) -25.451873,-48.924536.

    Abraço

    Willy

  13. Willy said

    Se preferir:

    -25° 27′ 12.51″, -48° 55′ 1.40″

    Abraço

  14. Yeho Fim Do Mundo said

    A que fim levou a expedição? Que encontraram?
    Não muito longe de -25° 27′ 12.51″, -48° 55′ 1.40″, em 25 14 27 50, 48 45 24 00 tem a Usina subterranea GPS. Tenho me perguntado a razão de se fazer uma usina subterranea de 260MW, com uma vila estilo ‘Dharma Initiative’ no meio do nada.
    Tambem nunca entendi porque fizeram o estudo pra construir a 101 a ‘beira-mar’, mas desistiram aqui. Se desistiram por economia, teria sido mais economico ligar Guaruva a Paranaguá do que subir a serra. O mesmo penso do traçado da 277 na serra do mar, hoje com o acesso facil a topologia se nota que não foi pela facilidade do relevo da serra o traçado escolhido, parece que desviaram de alguma coisa, ou não.

    Bem interessante, mesmo.

    Resposta:
    Oi Yeho

    A expedição ainda não foi feita. Infelizmente tenho estado bastante ocupado com minhas (várias) atividades paralelas. Mas ainda está na agenda. Talvez em 2013, porque este ano já estou atolado de atividades.

    Muito interessante essa informação sobre a usina subterrânea. Vou pesquisar melhor isso. Se tiveres mais informações que possa indicar fico grato pelas dicas.

    Abraço
    Z

    • André said

      Vocês estão no caminho certo… Passei quase todos os fins de semana de minha infância na serra do mar , mais precisamento na região do rio são João descobrindo e seguindo o caminho dos jesuítas, e pessoas antigas da região naquela época sempre comentavam sobra “as” pirâmides em nosso litoral. A BR em nosso litoral foi realmente projetada para desviar de ” algo ” que não era para ser descoberto. Havendo continuidade na conversa de expedição, gostaria de fazer parte desta futura jornada. Abraços.

  15. Orlei Correa said

    Bom dia, meu nome é Orlei, sou pesquisador (formado em Historia) e moro aqui no litoral, (Paranagua), achei mto interesssante essa parada. to a fim de participar
    Fone: 41 999830.. (TIM) 41 916430.. (VIVO) e-mail: oc1@…com.br
    Obs: para fazer esta incursao, tem q verificar a estaçao, pois aqui no litoral, no verao chove e os rios transbordam e torna-se pouco improvavel andar nestas areas.

  16. Luciano said

    Bom dia!
    Fui militar na amazônia e a alguns anos estou em Curitiba.Para manter o ritmo, comecei a fazer as trilhas da serra do Mar em 2001 e já naqueles dias notei esta elevação da qual todos aqui neste espaço falam. Em 2001 mesmo percorri todo o entorno desta suposta pirâmide pois ele se assemelha mesmo com algo não natural, e ataquei ao topo com muita dificuldade. Por se tratar de área de preservação ambiental não me utilizei de facão ou nenhuma lâmina similar, utilizando-me do método de incursão sorrateira, vinculado nos meios militares, para não deixar rastros e para não degradar mesmo, visto que o IAP possui uma base muito próxima e respeito o trabalho de conscientização dos mesmos.Passei uma semana na mata estudando o local que é definitivamente perigoso. Muitas abelhas e algumas serpentes todas jararacas. Fiquei surpreso com a mata atlântica do local que em nada perde para floresta onde estive operando por 9 anos ( Amazônia).Encontrei apenas cipós, pedras, raízes vegetação primária (o que caracteriza a não presença de humanos no local pelo menos a uns bons anos), Rocha granítica exposta em uma área bem grande nas faces norte , sul e leste da elevação, tudo coberto e abrigado pela vegetação mais elevada.Fiz toda a incursão com um companheiro de selva da amazônia que operou no mesmo batalhão que eu .Os dados do meu GPS usado na incursão registraram um total de 8,2 KM de subidas e descida e varreduras nas bases da elevação mais os descolamentos a base leste onde montamos nossos tapiris com redes de selva elevadas. Ao fim do dia fazíamos o pernoite ali, pois havia água disponível , não muito próxima para evitar os mosquitos que a preferem.Afirmo que o morro que está nas costas da elevação se conecta com a mesma em uma concavidade suave fazendo parte natural do terreno, tendo apenas como dificuldade de locomoção a densa vegetação.

    Não fizemos escavações para não degradar a área de preservação ambiental ( isto constitui Crime ambiental Lei N.º 9.605 de 13 de fevereiro de 1998)

    “Crimes contra a flora
    Destruir ou danificar floresta de preservação permanente mesmo que em formação, ou utilizá-la em desacordo com as normas de proteção assim como as vegetações fixadoras de dunas ou protetoras de mangues; causar danos diretos ou indiretos às unidades de conservação; provocar incêndio em mata ou floresta ou fabricar, vender, transportar ou soltar balões que possam provocá-lo em qualquer área; extração, corte, aquisição, venda, exposição para fins comerciais de madeira, lenha, carvão e outros produtos de origem vegetal sem a devida autorização ou em desacordo com esta; extrair de florestas de domínio público ou de preservação permanente pedra, areia, cal ou qualquer espécie de mineral; impedir ou dificultar a regeneração natural de qualquer forma de vegetação; destruir, danificar, lesar ou maltratar plantas de ornamentação de logradouros públicos ou em propriedade privada alheia; comercializar ou utilizar motosserras sem a devida autorização. Neste caso, se a degradação da flora provocar mudanças climáticas ou alteração de corpos hídricos e erosão a pena é aumentada de um sexto a um terço.”

    Não constatei nem uma evidência de atividade humana no local de qualquer natureza.Não encontrei nada que indique que aquela elevação possa ser algo a mais que uma curiosa elevação pontiaguda. Por curiosidade existe outra muito similar e mais alta próxima da estrada da graciosa. Pode ser vista subindo ou descendo a estrada da graciosa em dias de sol.Repito:
    Fiz toda incursão com um companheiro de selva da amazônia que operou no mesmo batalhão que eu.Não recomendo a incursão ao local desacompanhado, sem o equipamento adequado ou sem pessoal treinado para ambientes hostis. Faço estas recomendações pois a mata atlântica disfarça muito bem os seus perigos ( Repito: Em nada perde para o inferno verde vulgo Floresta amazônica).
    Utilizamos equipamento de proteção para a parte baixa das pernas como coturno e perneira militar, devido ao histórico das jararacas e outras serpentes, o que foi constatado mais de uma vez nos entornos do local.Como você ataca de baixo para cima a elevação, todas as serpentes estavam sempre acima do contato visual primeiro, o que eleva o risco de um acidente com peçonha, visto que as mãos e a face ficam expostas na subida. O perigo mais terrível de qualquer mata são abelhas e vespas. Neste local não foi diferente. Topamos com seis locais que tiveram de ser contornados pois abrigavam estes insetos. Tive duas picadas na mão esquerda em um dos contatos com abelhas em uma árvore morta, recuamos com calma para não causar o acidente que geralmente ocorre com o susto da primeira picada em mata densa, desencadeando o frenesi do enxame todo. ( Correr desesperadamente na mata tem o seu histórico negativo devidamente registrado. )

    Sair da trilha do salto dos macacos é assumir um risco calculado.Deixo meu reporte aqui e minhas recomendações pois sei que o espírito humano é movido por desafios e é fascinado por mistérios, e diante disto, sim, alguém mais irá se aventurar nesta elevação.A título de experiência própria, quanto mais conhecimento, mais humilde se deve ser diante da mata, seja ela qual for.

    Fico a disposição para informações a todos os interessados neste assunto.

    Resposta:
    Oi Luciano

    Muito interessante seu relato. E informativo também. Sem dúvida é muito importante ter essas informações, vindas de alguém com tanta experiência. De fato, a mata da região é bastante fechada, há muitos mosquitos, nunca tive problemas com abelhas ou vespas em minhas andanças por aquela área, mas cascavéis é comum encontrar, as filhotes ao menos, já vi várias. Normalmente não são fonte de problemas, desde que você não mexa com elas, elas também não mexem com você. Mas cuidado nunca é demais neste sentido.

    Já havia percebido que há uma continuidade da suposta pirâmide, que emenda no morro do lado. Isso é visível nas imagens do Google Earth. E é algo que particularmente me deixa em dúvida se aquilo de fato é uma pirâmide ou não. Porém, embora não seja geólogo, fico imaginando com meus botões que esta “emenda” pode ter sido alguma formação geológica posterior.

    Seria interessante ter um levantamente por satélite infravermelho, por exemplo, para ter mais dados para analizar. Só pela topografia do terreno, coberto por árvores, fica muito difícil avaliar se é de fato uma pirâmide ou apenas uma formação inusitada. Claro que uma escavação seria bastante elucidativa. Se fossem encontradas pedras retangulares, nitidamente moldadas pelo homem, então isso seria uma grande evidência de que, se não é uma pirâmide, ao menos é sinal de que se trata de uma construção feita pelo homem, e já reveria muito a respeito de nossa história, ou pré-história. Mas, claro, conseguir autorização para escavar no local é coisa para peixes grandes, não para meros pesquisadores independentes ou curiosos de plantão. Quem sabe um dia, algum historiador ou geológo, com interesses em coisas inusitadas, resolva desvelar de uma vez este mistério. Até lá, ficamos na expectativa, e nas suposições.

    Agora, saindo um pouco do terreno sólido dos conhecimentos tradicionais, acredite você ou não, eu já fiz projeção astral naquele local, e constatei por meio desta ferramenta que aquele objeto se trata, sim, de uma pirâmide. Uma pirâmide maciça, feita de pedra, sem túneis ou quaisquer câmaras. Praticamente um grande menólito gigantesco de pedra.

    E porque alguém teria tanto trabalho, para cosntruir algo tão grande, aparentemente sem função alguma? Bem, digamos que este objeto faz parte de um conhecimento que transcende nosso conhecimento cientifico e tecnológico atual, um conhecimento perdido nas brumas do tempo. Para a ciência dos antigos, fazia muito sentido sim, construir um imenso bloco de pedra como este, maciço. Não vou entrar em detalhes aqui, mas posso lhe afirmar, com base em minhas experiências “místicas” com aquele lugar, que talvez o principal objetivo desta construção seja servir como um portal para outros planos da realidade. Um portal que provavelmente funciona com base no tipo de minerais que foram utilizados na construção do imenso objeto, obviamente no seu formato, e também considerando as energias magnéticas, telúricas (vindas do solo), gravitacionais e outras formas de energias ainda não reconhecidas pela ciência oficial. Esta combinação, transforma aquele objeto em uma verdadeira ponte para o que os esotéricos chamam de planos astrais, mas que eu, com base nos conhecimentos da física quantica mais moderna, prefiro chamar de planos paralelos do universo.

    Obviamente você, e qualquer leitor, é livre para discordar de tudo isto.

    Abraço
    Zhannko

  17. Marcio Cavalheiro said

    zhannko , me escreva ok. tenho informações para você.

  18. wanderlei said

    Esta incursão até a piramide, ja foi feita ?
    Tenho interesse em participar.
    email wasiju@bol.com.br

  19. will said

    amigo a alguns anos saiu uma reportagem no jornal gazeta do povo sobre a descoberta de piramedes em antonia, mas a partir dai nunca mais se ouviu falar nada do genero , acredito que a descoberta foi abafada.
    willcamargo@ibest.com.br

  20. DV said

    Interessante seu site… muito impressionante sobre as Piramides no Paraná… mas um dia será que teremos a verdade sobre as Tais Piramides e quais suas funçoes e porque exerce tanto fascinio… pensemos o homem moderno construiu Edificios bem maiores, avioes, estaçoes espaciais, telefone, televisão, maquinas fotograficas, etc… estamos ano Luz de Evolução das Piramides, no entanto… porque tanta gente cre, que o povo das Piramides tinha algum poder… Eles tinham apenas força de vontade de moldar montanhas em Piramides… creio eu ser apenas isso…

    Resposta:
    Oi DV

    A diferença é que as nossas modernas construções não duram, mal e mal, 100 anos. As pirâmides já passaram, algumas, por milhares de anos, e ainda estão de pé! Isso para citar só um exemplo. Se você for estudar a fundo, vai descobrir que existem detalhes técnicos na construção da pirâmide de Quéops no Egito, por exemplo, que torna o trabalho tão difícil de ser feito, que hoje, com nossa tecnologia espacial e nuclear, não conseguimos reproduzir. Pedras tão perfeitamente encaixadas, que seria impossível serem feitas com ferramentas manuais. Blocos de 20 toneladas, ou mais, que hoje não poderiam ser posicionados ou sequer movidos, com nossos guindastes mais modernos. E supoe-se que as culturas que fizeram isso, usaram apenas ferramentas manuais básicas, rolos de madeira, cordas, etc. Falando do ponto de vista técnico, isso é um absurdo.

    Abraço
    Zhannko

  21. Parabéns ao pessoal do site. Este espírito investigativo, desaparecido em nossa arqueologia, tem que ser levado adiante por pessoas entusiastas. Se deixarmos nas mãos das instituiçôes oficiais, certamente que eles nâo se darâo ao trabalho de pesquisar algo que pode derrubar suas bem elaboradas teorias

  22. Bruno said

    Estou enviando para você, por via astral e telepática, a confirmação da existência destra pirâmide, bem como informo seus construtores e a técnica empregada na sua construção. Favor confirmar o recebimento aqui mesmo através do blog.

    Posto mais detalhes depois de confirmado o recebimento.

    Desde já agradeço

    Bruno

    Resposta:

    Caro Bruno, fazes ideia de quantas mensagens telepáticas recebo, tanto desta dimensão quanto de outras? Só para teres uma ideia, a média de e-mails que recebo por dia (eu disse, por dia) gira em torno de 200 a 300 mensagens. O número de mensagens pensamento é ainda muito maior do que isso.
    No meio deste mar de ondas pensamento, a dificuldade não está em receber mensagens, a dificuldade está em distinguir umas de outras, e de saber quem enviou o que. Esta é a grande dificuldade da telepatia hoje.

    Abs
    Zhannko

    • Bruno said

      Meu caro Zhannko, não meça as dificuldades em geral por uma falha particular…. Recebo em minha caixa postal a mesma quantidade de e-mails que você, trabalho com isso e por isso sei como filtrar as mensagens relevantes daquelas que não dizem nada. Desde 1972, foi quando comecei a perceber a minha telepatia, já recebi cerca de 8 milhões de mensagens telepáticas, destas só umas 500 foram transmitidas conscientemente e destas apenas 82 realmente importantes. Como pode ver, eu tenho ideia do qua acontece, porém não há, como você diz, telepatia vinda de outras dimensões. Telepatia é conversa entre cérebros e não há evidências de que existam cérebros em outras dimensões. Aliás, que dimensões são estas? Fisicamente, existem 3 dimensões espaciais e uma temporal no universo quadridimensional, o que se chama cientificamente de espaço-tempo. Algumas teorias informam qua há 11 dimensões espaciais, comprimidas no que conhecemos como as 3 dimensões clássicas.

      São dimensões de energia? Então que tipo de energia é essa, diferente das 4 que conhecemos hoje? (eletromegnática, nuclear forte, nuclear fraca e gravitacional).

      E convido você para uma viagem astral até aqui para ver “pessoalmente” as minhas pesquisas na área.

      Desde já agradeço

      Bruno

    • Bruno said

      Você só publica respostas favoráveis à sua tese? E como disse na mensagem que você não publicou, eu sei o que é receber mensagens em grande quantidade, tenho trabalhado com telepatia desde 1972… É fácil filtrar, basta você captar a entender a mensagem… tenho plena certeza que a única mensagem que te informa quem são os construtores da pirâmide e a data em que ela foi feita é a minha, mas por via das dúvida, mando de novo. E se quiser verificar minhas pesquisas, faça uma viagem astral até aqui e comprove “pessoalmente”.

      Um abraço

      Resposta:
      Caro Bruno

      Parabéns por sua proficiência em telepatia. Quem sabe um dia eu alcance a sua prática e sabedoria. Eu ainda tenho uma longa caminhada a percorrer, pois sou apenas um aprendiz, um eterno aprendiz.

      Abs
      Zhannko

      • Bruno said

        Estou ainda esperando sua visita astral, se quiser conhecer outras técnicas, sinta-se à vontade para aparecer a qualquer hora!

        Resposta:
        Oi Bruno

        Agradeço seu convite, mas no momento estou passando por um momento um tanto turbulento, não estou em condições de me concentrar nisso, pois tenho assuntos urgentes a serem resolvidas de cunho pessoal, como encontrar um lugar para morar 🙂
        Talvez no próximo mes, quando já tenha acertado as maiores urgências da minha vida pessoal, possamos combinar algumas experimentações com telepatia ou viagem astral ok.

        Abs
        Zhannko

  23. valmore said

    Muito revelador seu post, tenho uma matéria interessante no meu blog e seria uma revelação lógica da funcionalidade das piramides tanto no lado físico como espiritual, onde seres extraterrestres utilizam esse conhecimento para nos ajudar, segue-se o link para aqueles que se interessarem.

    – Os chacras de Gaia e as pirâmides como dissipadores do Karma planetário –

    http://aquariuspage.blogspot.com.br/2012/08/os-chakras-da-terra-e-as-piramides-como.html

    ————————–

    Abração a todos !

  24. home said

    This is the perfect webpage for anybody who really wants to understand this topic.
    You know a whole lot its almost tough to argue with you (not that I really will need to…HaHa).
    You definitely put a brand new spin on a topic which has been discussed for decades.
    Excellent stuff, just great!

  25. bento124 said

    Amigos,
    qual a situação atual? Deu para tirar alguns conclusões?
    Tentei medir as laterais, e cheguei em algo por volta de 400 m. Como altura determinei por volta de 160 m. Pode ser isso?
    Para ter uma referência com a Pirâmide de Quéops largura na base 230 m e altura atual 139 m.

    Estou em dúvida com a orientação da suposta piramide. Existem algumas conclusões, já?
    Abs, BR

    Resposta:
    Oi Bento

    Até o momento não foi possível fazer uma expedição ao local com pessoal e equipamento adequado. Talvez em 2015. Assim que tenhamos novidades postamos no site e avisamos por e-mail.

    Abs
    Zhannko

  26. Fábio Dorneles said

    Estive Nesse final de semana na Usina e há uma atmosfera misteriosa. Existem muitos lugares que não podemos ter acesso e o engraçado é que a maioria das usinas você pode visitar mas nessa não. Dizem que ela está obsoleta e deve ser desativada em breve. Acredito que exista uma pirâmide na região. Gostaria que me enviassem imagens, pois tentei com as coordenadas e não consegui. Por acaso o Salto dos Macacos fica próximo ao Pico Paraná, próximo à represa do Capivari.

  27. ORION said

    EU JA ENTREI NESSE LUGAR ….

  28. ORION said

    SOU DO PARANA CONSIGO ENTRAR LA A MAE DO MEU AMIGO TRABALHA LA DE COZINHEIRA NO HOOTEL QUE TEM LA

  29. ORION said

    ACIMA dessa usina tem um caminho que vai longe tem uma cachoeira e bem lindo queria fazer uma espediçao para ver a fundo isso….

  30. Bayard von Zuben Moura said

    Boa tarde, gostaria de me voluntariar para apoiar na expedição se ainda houver tempo. Fui militar do exército e treino sobrevivência três vezes por mês na serra. Acho que posso ajudar um pouco. Aguardo um breve retorno. Obrigado!

  31. José Saldeira said

    Eu moro em Guaratuba, no Litoral do paraná, bastante próximo ao local, digamos assim. Lembro-me do dia em quem realmente descobriram a existência dessa estrutura, foi matéria em jornais televisivos e impressos, tráfego incomum de helicópteros e aviões das das forças armadas, me lembro de estar tirando um cochilo após o almoço, e ouvi um som estrondoso, vento muito forte, que a cortina chegou a cair. Era um caça da Fab, voando muito, muito baixo. O que estranhei pois Guaratuba e região é cercada de morros, prédios e serras. Um ou dois dias após a “descoberta” da suposta pirâmide, TODOS os videos, matérias sobre, simplesmente sumiram.

    Resposta:
    Oi José

    É realmente uma pena que não tenha sobrado nenhum registro de notícias da mídia sobre isso. Já cansei de vasculhar na internet mas não encontrei nada. Você conseguiria lembrar data, ano, mes que isso aconteceu? Talvez seja possível encontrar algo nos jornais antigos do arquivo histórico.

    Abs
    Zhannko

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: