Piramidal.net

Pirâmide não é magia. É Tecnologia!

  • Pirâmide de cobre C130

  • Pirâmide de alumínio A150

    Pirâmide de alumínio A150

  • Pirâmide de alumínio A150

    Pirâmide de alumínio A150

  • Pirâmide de cobre C150

    Pirâmide de cobre C150

  • Pirâmide de alumínio A130

    Pirâmide de alumínio A130

  • Incenso japones aroma orvalho

    Incenso japones aroma orvalho

  • Incenso japones aroma jasmim

    Incenso japones aroma jasmim

  • Pirâmide de latão fechada

    Pirâmide de latão fechada

  • Fórum sobre jejum, alimentação prânica (viver de luz) e temas relacionados

Uso de cobre em hospitais é capaz de reduzir infecções em até 58%

Posted by luxcuritiba em janeiro 21, 2020

piramidal.net | lojapiramidal.com

Metal elimina naturalmente e de maneira permanente a maior parte dos micro-organismos que causam doenças, inclusive a ‘superbactéria’ MRSA

As infecções hospitalares, adquiridas pelo paciente durante a permanência em um estabelecimento de saúde e que ocorrem mais de 48 horas após a admissão no centro, afetam milhões de pessoas todos os anos, causando milhares de mortes.

Para resolver esse problema de saúde pública, alguns hospitais e centros de saúde estão incorporando em suas instalações o cobre antimicrobiano (CAm), com base em um metal cuja capacidade de eliminar microorganismos nocivos é conhecida há milhares de anos.

O CAm, aprovado pela EPA (Agência de Proteção Ambiental dos EUA), pode prevenir até 58% das infecções hospitalares, de acordo com um estudo realizado em três hospitais dos EUA pelo médico Bill Keevil e sua equipe, da Universidade de Southampton (Reino Unido).

Ficou demonstrado que esse material elimina em minutos a ‘superbactéria’ MRSA – Staphylococcus aureus, resistente a vários antibióticos comuns.

“Foi demonstrado que o CAm é eficaz contra vírus, fungos e a grande maioria das bactérias que entram em contato com este material, ao contrário do que acontece com outras superfícies com terminações de aço inoxidável, plástico ou prata”, afirma à Alcora, empresa especializada em cobre antimicrobiano.

“Este material não apenas carece de produtos químicos que podem ser tóxicos, mas também mantém sua ação antimicrobiana após exposição contínua a produtos de limpeza e fatores ambientais”, informa Miguel Efe Sánchez, CEO da empresa, à Efe.

Ele também explica que bactérias, leveduras e vírus morrem rapidamente quando entram em contato com superfícies de cobre, quando há uma série de alterações bioquímicas entre a superfície do metal e os microorganismos, o que os induz à morte e que essa propriedade antimicrobiana é intrínseca a este material.

“Seu uso em elementos que facilitam a contaminação com microorganismos em recintos com pacientes sensíveis foi introduzido com sucesso em vários hospitais e centros de saúde em todo o mundo”, acrescenta.

“A aplicação massiva do CAm em hospitais e centros médicos altamente técnicos do futuro seria um cenário ideal”, segundo Sánchez. “A ação biocida do cobre é amplamente reconhecida em vários estudos científicos, que demonstram como esse material atua de maneira contínua, eficiente e rápida contra bactérias, vírus e qualquer tipo de microorganismo”, enfatiza.

fonte: https://noticias.r7.com/saude/uso-de-cobre-em-hospitais-e-capaz-de-reduzir-infeccoes-em-ate-58-08122019

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s