Piramidal.net

Tudo o que você sempre quis saber sobre pirâmides.

  • Pirâmide de cobre C130

  • Pirâmide de alumínio A150

    Pirâmide de alumínio A150

  • Pirâmide de alumínio A150

    Pirâmide de alumínio A150

  • Pirâmide de cobre C150

    Pirâmide de cobre C150

  • Pirâmide de alumínio A130

    Pirâmide de alumínio A130

  • Incenso japones aroma orvalho

    Incenso japones aroma orvalho

  • Incenso japones aroma jasmim

    Incenso japones aroma jasmim

  • Pirâmide de latão fechada

    Pirâmide de latão fechada

  • Fórum sobre jejum, alimentação prânica (viver de luz) e temas relacionados

Não há mais mistério no Triângulo das Bermudas

Posted by luxcuritiba em janeiro 15, 2012

piramidal.net | lojapiramidal.com

compartilhar

por Mário César

A ciência jamais para diante de um mistério. Ao contrário, os cientistas se sentem ainda mais empolgados e motivados diante de um bom mistério. Não há medo, não há desejo de desistência, há apenas o respeito pelo mistério (fenômeno) estudado e obediência (jamais cega) ao método científico.

    “A coisa mais bela que podemos experimentar é o mistério. Essa é a fonte de toda a arte e ciências verdadeiras.”
    – Albert Einstein

Mapa do Triângulo das Bermudas.

O “Triângulo das Bermudas” é uma área situada no Oceano Atlântico entre as ilhas Bermudas, Porto Rico, Fort Lauderdale (Flórida) e as Bahamas. A região notabilizou-se como palco de diversos desaparecimentos de aviões, barcos de passeio e navios, para os quais popularizaram-se explicações extrafísicas e/ou sobrenaturais (Wikipedia).

Muitas explicações para os desaparecimentos (como o do famoso Voo 16) foram propostos durante as últimas décadas. Algumas delas foram anomalias no campo eletromagnético do planeta, restos de cristais da Atlântida (a cidade perdida), teoria conspiratória forjada para desenvolver reações no mundo da Guerra Fria, alienígenas, monstros marinhos, redemoinhos gigantes, etc.

Aconteceram entre 200 e menos de 1000 casos entre a descoberta das Américas até hoje. A coisa chega ao absurdo de um pesquisador, Howard Rosenberg, afirmar que em 1973 a Guarda Costeira dos EUA respondeu a mais de 8.000 pedidos de ajuda na área e que mais de 50 navios e 20 aviões se perderam na zona, durante o último século.

Contudo, a realidade não estava em nada disto. Segundo o artigo “Resolvido o mistério do Triângulo das Bermudas” do site DN Ciência:

E a resposta não se encontra em magnetismo, túneis do tempo, extra-terrestres ou qualquer outro tipo de fenômeno metafísico. Na realidade, os fenômenos estranhos relatados na famosa região entre Porto Rico, Florida e as ilhas Bermudas resumem-se a um problema de… gás. Concretamente, gás metano.

Esta a conclusão do trabalho do professor Joseph Monaghan e do seu pupilo David May, da Universidade Monash de Melbourne, Austrália, publicado no American Journal of Physics.

O que acontece é que existem grandes bolhas de gás metano que se desprendem do solo do oceano e são capazes de fazer navios naufragar e de derrubar aviões. E mais: esse fenômeno poderá explicar até mesmo desaparecimentos em outros locais do mundo.

Durante os anos 60 um investigador, Ivan T. Sanderson, identificou regiões do planeta onde se encontram grandes concentrações desse gás. Além do Triângulo das Bermudas, o gás também está presente nessa forma de bolhas no Mar do Japão e no Mar do Norte. Estas bolhas de gás metano são formadas após intensa atividade vulcânica submarina, e fica contido normalmente no interior de rochas, sob a alta pressão oceânica. Mas ele pode se soltar naturalmente, no menor tremor do solo oceânico.

Quando isso acontece, forma-se uma bolha gigante que cresce exponencialmente enquanto sobe até a superfície. Depois de entrar na atmosfera o gás continua a subir e a se expandir lateralmente. Segundo as simulações de computador dos cientistas, qualquer navio apanhado nesta bolha perde imediatamente a flutuação (devido ao fato da água ficar menos densa) e simplesmente naufraga.

Se a bolha for densa o suficiente, é capaz até mesmo de derrubar aviões (especialmente se estiver voando a baixa altitude). O metano faz o aparelho perder a sustentação e provoca danos nos motores (podendo fazer até mesmo que ele exploda). Nestas circunstâncias, a aeronave cai no oceano e desaparece rapidamente.

E isto tudo não é apenas teoria. Tudo isto foi testado pelos pesquisadores e o resultado está no vídeo abaixo, que é a 9º parte do programa Triangulo Das Bermudas, da BBC, apresentado pela Discovery.

Portanto, com todas estas informações é definitivamente o fim do mistério. Nada de ETs, nada de monstros marinhos. Mais que isto, o gás metano pode até mesmo explicar algumas das visões de OVNIs, já que pode se incendiar e se comportar como um fogo fátuo gigantesco.

http://livrespensadores.org/artigos/nao-ha-mais-misterio-no-triangulo-das-bermudas/ (20.12.2010)

Piramidal no Facebook
.
●●● Gostou? Então curta nossa página no Facebook.
.
Autor
●●●
 Seja amigo do autor do site no Facebook e esteja sempre antenado em assuntos interessantes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: